21 de maio de 2008

Ironias da história e solidariedade portuguesa.

Sem comentários: